O Instituto do Meio Ambiente do Estado de Santa Catarina (IMA) anuncia que o sistema customizado do Cadastro Ambiental Rural está pronto, em fase de homologação. As análises dos mais de 300 mil cadastros já realizados iniciam em fevereiro. O Cadastro Ambiental Rural é fundamental para regularizar a situação das propriedades rurais perante a lei, o que possibilita benefícios como redução de multas e liberação de créditos rurais.

O IMA contratou a Universidade de Lavras para o desenvolvimento de um sistema customizado do CAR, o que foi necess√°rio porque o sistema nacional n√£o atende √†s caracter√≠sticas do estado catarinense. A plataforma exclusiva foi constru√≠da de acordo com as especificidades de Santa Catarina. Cont√©m informa√ß√Ķes como banco de dados com imagens de alta resolu√ß√£o, refinamento da base hidrogr√°fica estadual, dados das unidades de conserva√ß√£o estaduais e municipais, terras ind√≠genas, entre outros. O sistema come√ßou a ser desenvolvido em mar√ßo de 2019.

Com o sistema conclu√≠do, o IMA vai iniciar o processo de an√°lise dos cadastros. A equipe do Instituto passar√° por treinamento no m√™s de fevereiro quando come√ßam as verifica√ß√Ķes de cada cadastro. Em breve, a an√°lise ser√° ainda mais c√©lere. O Servi√ßo Florestal Brasileiro selecionou os estados do Par√° e de Santa Catarina para participar do projeto piloto da an√°lise dinamizada do CAR. Desta forma, o sistema customizado do IMA ser√° integrado ao sistema dinamizado, o que vai possibilitar maior agilidade na an√°lise dos cadastros, sem afetar a qualidade e seguran√ßa da verifica√ß√£o.  Todo cr√©dito rural vai ser liberado a partir desta an√°lise do CAR.

CAR

CAR é o Cadastro Ambiental Rural, todas as propriedades rurais precisam cadastrar as APPs, reserva legal, remanescentes florestais, áreas consolidadas existentes em suas propriedades. As áreas a serem recuperadas também serão cadastradas e os proprietários terão um tempo para fazer a recuperação, em contrapartida, as propriedades que estão cadastradas e que aderiram ao programa de regularização ambiental (PRA), terão acesso a créditos bancários rurais e a diminuição de multas.

Foto: Aires Mariga/Epagri